Não vou soltar sua mão

Sinto meu coração apertado quando penso em você. É tão forte que dói o peito. Tem sido uma fase dolorosa e sei que esses últimos dias não foram fáceis para gente – contrariando tudo que a gente viu, sentiu e viveu até então.

Confesso que pensei em soltar tudo, desistir e deixar para lá. Encerrar as brigas, evitar as discussões, não resolver nada e apenas desistir. Seria mais fácil.

Mas será que seria o correto? 

Não quero guardar meu amor para depois. Não quero estar com você apenas nos melhores momentos da sua vida. Não quero aproveitar apenas suas conquistas. Não quero soltar sua mão quando você precisa de mim.

Eu te amo de um jeito que eu nunca amei ninguém. Nunca conheci um homem com qualidades tão fortes iguais as suas. Sou apaixonada pelo seu jeito tímido, pelo seu sorriso discreto, pela cor dos seus olhos, pelo som da sua voz. É fácil olhar para você e sentir uma vontade louca de pular no seu abraço e te cobrir de beijos.

Você me ensinou o que é relacionamento, o que é parceria e o significado de amor. Ensinou-me a dar a mão quando o medo aperta e a vontade de fugir é grande. Ensinou-me a rir nos momentos de crises. Ensinou-me que existe amor à primeira vista. E está me ensinando a confiar.

São quase três meses, um dia depois do outro, a vida  nos fazendo crescer, evoluir e até brigar algumas vezes. Você sabe que não concordaremos sempre. E eu sei, também, que meu humor não estará a todo o momento nas alturas e que poderemos nos olhar meio de lado, optando pelo silêncio. Somos duas pessoas diferentes e nossa convivência não encontrará flores por todos os jardins pelos quais passar.

Eu não vou soltar sua mão nesse seu estresse pré prova, porque você não soltou a minha quando precisei.

Eu não vou pular fora quando seu orçamento está mais apertado porque você me ajudou a profissionalizar o escritório e o instagram sem nunca me pedir nada em troca.

Eu não vou desistir de você quando você é grosso comigo, porque eu também já fui grossa com você;

É muito fácil namorar quando o céu está azul. Mas amor de verdade encara tempestades sombrias e nebulosas. Porque a vida é cheia de altos e baixos. Claridade e escuridão. Felicidade e tristeza. Quem quiser compartilhar uma vida junto precisa estar disposto aos melhores e aos piores dias.

Só peço que, quando coisas ruins surgirem, você se lembre de que sempre estarei ao seu lado para as enfrentarmos juntos. Que poderemos resgatar nosso sabor e nosso tempero em cada pequeno detalhe, porque, afinal, foram nesses momentos que eles começaram a mostrar a importância que temos um para o outro.

Se o nosso amor esfriar, basta que retornemos pelo caminho de onde viemos e nos aconcheguemos um no outro. Provavelmente ele esteve o tempo todo ali, quietinho e gelado, esperando apenas para ser aquecido novamente. E então voltará a pulsar, ainda mais forte.

Não sei se você vai ler. Não sei se você vai gostar. Não sei se isso traduz tudo que sinto, mas essa foi a minha tentativa para fazer nosso amor voltar a florescer de novo.

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s