Série: Gilmore Girls

Resultado de imagem para gilmore girls

Hello, advogaTas!!

Se você está com vontade de começar uma série com personagens femininas fortes eu PRECISO te indicar GILMORE GIRLS.

Vocês sabem que eu compartilho aqui no blog apenas as séries que eu acompanho, né? Acho legal assim, pois posso falar para vocês o que estou achando e se estou gostando. E procurando por “Séries” você pode conferir todas as séries já faladas aqui no blog. E tem muita, viu? haha

Gilmore Girls trata da relação entre mãe e filha, relação esta pautada no companheirismo, na amizade e na cumplicidade.  A série tem uma jornada de sete anos (2000-2007) e é cheia de comédia, drama e referências pops. Você chora, ri, sente raiva e mais um turbilhão de emoções com as Gilmore.

A mãe se chama Lorelai (Lauren Graham)  e se tornou mãe aos 16 anos da Rory (Alexis Bladel). Por ter sido mãe solteira e muito nova, ela se recusou a se casar com o pai de sua filha, o que magoou muito seus pais (muito ricos e conservadores). Além disso, ela fugiu de casa e criou sua filha sozinha.

A Lorelai é gerente de uma pousada na peculiar cidade de Stars Hollow, no interior de Connecticut. É uma cidade pequena, onde todo mundo se conhece. Lá há festivais de inverno, de verão, competição de dança que duram 24 horas e todos os assuntos da cidade são resolvidos numa reunião com vários moradores da cidade regularmente.

A Rory tem 16 anos e sonha em estudar jornalismo em Harvard para virar uma correspondente internacional, tal como Christiane Amanpour. Ela foi aprovada em uma escola particular e, logo no primeiro episódio, já começa sua jornada em uma nova escola.

A série foi escrita por Amy Sherman-Palladino, tem um texto rápido, cheio de referências que não são só pop, mas há muitas referências literárias. Basicamente, as Gilmore transitam entre falar de livros, bandas, filmes, figuras do entretenimento americano, política e TV muito facilmente. Quanto mais você assiste à série, mais você identifica as referências.

Para quem ainda tem alguma dúvida se a série é feminista ou não, já no piloto Rory explica porque tem o mesmo nome da mãe, Lorelai: “Ela conta que ainda estava deitada no hospital, pensando em como os homens dão seus nomes a seus filhos, e por que as mulheres não poderiam fazer o mesmo.

Essa é uma introdução bem básica e não revela praticamente nada sobre a série em si. Então, é por isso que eu recomendo que vocês comecem a assistir já! É muito legal, sério.

Anúncios

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s